Concurso: Circuito de corrente alternada

Estas questões vêm da CEBRASPE, Concurso de Analista de Gestão de Resíduos para Engenharia Elétrica em 2019.

Agradeço a sugestão de questão por José P. N.

Questões

(Adaptado) No seguinte circuito, todos os elementos são ideais, os valores das fontes de tensão e de correntes são eficazes, α e β são constantes, e I0e é uma fonte senoidal com frequência igual a ω.

Circuito de corrente alternada (Fonte: Cebraspe)
Circuito de corrente alternada (Fonte: Cebraspe)

A partir do circuito apresentado e das informações a ele relacionadas, julgue [como CERTO ou ERRADO] os itens a seguir.

59 – Se ω = 0, então a tensão V0 será igual a V1/ α.

60 – A potência complexa fornecida pela fonte βI1 é igual a |V1|2/R2.

61 – A tensão V0 e a corrente que passa através do resistor R1 têm diferença de fase nula.

62 – Se o fasor da corrente I1 for |I1|ejθ1, então V1 = βR2|I1|ejθ1 .

63 – A expressão V0 = R1I0e – R1I1 está correta para o circuito em questão. Continue lendo “Concurso: Circuito de corrente alternada”

Concurso: Motor e potências elétricas

Esta questão vem do NC-UFPR, Concurso da Itaipu para Engenharia Elétrica em 2019.

Esta questão aparentemente exige muitos cálculos para calcular várias grandezas. Como nenhuma das respostas é ambígua (mesmo valor para mais de uma resposta) podemos calcular apenas uma das grandezas.

Questão

22 – Um motor de 4 cv conectado em 220 V tem rendimento de 74%, com fator de potência 0,8 indutivo. Qual é o valor das potências elétricas ativa, aparente e reativa e da corrente demandada, sendo 1 cv = 735,5 W?

a) 2.942,0 W – 3.677,5 VA – 2.206,5 VAR – 16,7 A

b) 3.268,9 W – 3.632,1 VA – 1.583,2 VAR – 16,5 A

c) 3.975,7 W – 4.969,6 VA – 2.981,8 VAR – 22,6 A

d) 5.884,0 W – 7.951,4 VA – 5.348,1 VAR – 36,1 A

e) 9.806,7 W – 13.252,3 VA –8.913,6 VAR – 60,2 A Continue lendo “Concurso: Motor e potências elétricas”

Valores comerciais de resistores

Não é possível comprar resistores com qualquer valor. Existem apenas certos valores comerciais de resistores.

Por exemplo, podemos comprar resistores 1 kΩ ou 1.1 kΩ, mas não 1.05 kΩ.

Vejamos a seguir quais são os valores comerciais de resistores e como escolher o valor corretamente.

Veja a lista de posts do Curso Circuitos Elétricos em sequência.

Continue lendo “Valores comerciais de resistores”

Código de cores de resistores

O código de cores de resistores permite identificar o valor da resistência e a tolerância do componente sem a necessidade de utilizar um ohmímetro.

Vejamos a seguir quais são as cores, os números correspondentes a elas e como realizar a leitura da resistência através do código de cores.

Veja a lista de posts do Curso Circuitos Elétricos em sequência.

Continue lendo “Código de cores de resistores”

Tensões de linha e fase de carga ESTRELA

Neste post falaremos da carga estrela, também chamada de carga ípsilon (Y), onde as cargas estão ligadas formando uma estrela com um ponto central, como mostra a figura abaixo.

Tensões de linha de carga estrela trifásica
Tensões de linha de carga estrela trifásica

Este post é de certa forma uma continuação do post anterior Correntes de linha e fase de carga DELTA | Circuitos Elétricos, onde discutimos as tensões e correntes de linha e de fase de uma carga delta trifásica. Lá as tensões de linha e de fase iguais, mas correntes de linha e de fase diferentes.

Para carga estrela, no entanto, ocorre o oposto: as correntes de linha e fase são iguais, mas as tensões de linha e fase são diferentes.

Vamos discutir como podemos calcular as tensões de linha a partir das tensões de fase e também como calcular as tensões de fase a partir das tensões de linha.

Continue lendo “Tensões de linha e fase de carga ESTRELA”

Correntes de linha e fase de carga DELTA

Circuitos trifásicos é um dos tópicos mais interessantes de circuitos elétricos de corrente alternada. Há dois tipos de carga para circuitos trifásicos: carga delta e carga estrela.

Neste post falaremos da carga delta, também chamada de carga triângulo, onde as cargas estão ligadas formando um triângulo, como mostra a figura abaixo.

Correntes de linha de carga delta trifásica
Correntes de linha de carga delta trifásica

Este post terá um post em sequência: Tensões de linha e fase de carga ESTRELA | Circuitos Elétricos, onde discutiremos as tensões e correntes de linha e de fase de uma carga estrela trifásica. Lá as tensões e correntes de linha e de fase funcionam de forma diferente.

Vamos discutir como podemos calcular as correntes de linha a partir das correntes de fase e também como calcular as correntes de fase a partir das correntes de linha.

Continue lendo “Correntes de linha e fase de carga DELTA”

Transformador delta aberto

Muitos livros de Máquinas Elétricas expõem a possibilidade de uso de transformadores “delta aberto”, “open delta” ou V-V e dão a limitação de potência dessa ligação que é 1/√3 ou 58%.

Apesar disso não é explicado de forma clara de onde vem esse valor específico. Também não fica bem esclarecido ao que essa proporção dada está relacionada.

Isso é importante pois há dois problemas ligeiramente diferentes a serem resolvidos com essa discussão. E eles têm duas respostas ligeiramente diferentes. O primeiro é um transformador trifásico que perde um enrolamento. O outro é o caso de dois transformadores monofásicos que alimentam uma carga trifásica.

Por isso, nesse post falaremos sobre esses casos específicos do funcionamento de transformadores.

Transformador delta e delta aberto
Transformador delta e delta aberto

Como exemplo, na figura acima vemos dois secundários de transformadores. O primeiro está ligado em delta (ou Δ). O segundo está ligado em delta aberto (ou V).

Vejamos os casos onde um transformador trifásico opera no modo delta aberto:

Continue lendo “Transformador delta aberto”

%d blogueiros gostam disto: